COPA 2014 – PARTE 1

copa-2014

Já que só se fala em copa do mundo, esse mês eu resolvi fazer alguns comentários sobre o evento, toda semana escreverei sobre os fatos da copa, conforme as coisas forem acontecendo.

A copa nem tinha começado direito e já tinha gente reclamando da cerimônia de abertura. Eu confesso que achei a cerimônia “ok”, mesmo por que eu já não esperava muita coisa dela. A cerimônia de abertura parecia mais um duelo pessoal entre Claudia Leitte e Jennifer Lopes pra ver quem rebolava mais.

Ta muito difícil de comprar ingresso para os jogos do Brasil e todo mundo sabe que você esta pegando fotos dos ingressos no Google e postando como se tivesse comprado, portanto, pare.

A copa começou no dia dos namorados, o que foi um ótimo pretexto pro homem poder assistir o jogo e tomar cerveja sem ter que ficar ouvindo “mi mi mi”.

– oi amor, feliz dia dos namor..
– cala a boca, to vendo o jogo, FOI FALTA PORRA!

Tivemos algumas manifestações conforme o previsto, mas nada de absurdo. Deus me livre ter uma manifestação em Manaus. Imagina você ta lá de boa, e do nada, é atingido por uma flecha de borracha.

A COPA QUE CURA

cadeira

Vejam essas imagens. Quem é que precisa de hospital quando as pessoas podem ser curadas sozinhas, dentro do estádio? Teve também uma matéria sobre um cara que mesmo doente foi ao estádio, “não perderia esse jogo por nada”. Ta vendo só? As pessoas preferem ir ao estádio que ir ao hospital. Mesmo por que, por mais caro que seja, o ingresso ainda é mais barato do que a mensalidade de muitos convênios médicos por ai.

Ta vendo gente, parem de encher o saco pra construir escolas e hospitais, tem que fazer mais estádios e fazer copa de 6 em 6 meses. O Schumacher, por exemplo, saiu do coma justamente no dia do jogo da Alemanha.

Dizem que o Brasil é bom no futebol por que aqui se investe mais na modalidade do que em saúde e educação. Pensando nisso, acho que na Espanha deve ter hospital pra cacete por que o time ta ó, uma Bósnia.

COMENTARISTAS.

Por falar em comentarista, o que aconteceu com o Casagrande em um dos jogos? O cara tava visivelmente alterado. Eu gosto do Casão, na minha opinião é o melhor comentarista, mas cada vez que o juiz marcava uma falta e fazia aquela linha branca com o spray, ele se tremia todo na cabine (essa é pra pensar). Aliás, acho que o maior ídolo do Casagrande depois do Maradona, com certeza é o MasCHERANO (só pelo nome).

Mais uma prova de que os estádio são melhores que as escolas é que o Neto, comentarista da Band ta errando bem menos o português.

Nessa copa o Galvão Bueno foi salvo pela Dilma. Tão xingando tanto a “presidenta” nos estádios que até se esqueceram do ja tradicional e clássico, “Ei, Galvão, vai tomar no c*”. Acho que ele mesmo ja ta sentindo falta dessa saudação.

Quem deixou o Alex Escobar narrar? Meu Deus.

O Roberto Carlos ta comentando pela Globo. Sim, o mesmo que deixou de marcar o Henry da França em 2006 por que estava ajeitando o meião. Imagina ele como comentarista:

– Roberto Carlos, o que você achou desse lance?
– Olha Cleber, desculpa, mas eu não vi o lance.
– Como assim não viu o lance?
– É que eu tava ajeitando a gravata.

Quando o Marcio Canuto aparece gritando nas reportagens eu deixo a TV no “MUTE”, e mesmo assim consigo ouvir perfeitamente o que ele grunhe. Imagina que inferno ser filho do Marcio Canuto e ele te acordar gritando pra ir pra escola: “ACOOOOOOORDA”.

O Caio Ribeiro tem cara de quem a mãe prepara uma lancheira com sanduíche natural e suco de uva pra ele levar pra Globo. Caio Ribeiro transa de meia.

O Datena ta narrando alguns jogos pela Band, substituindo o Luciano do Valle. Fico imaginando o que ele falaria se rolasse uma simples falta no meio campo. “Vagabundo, cretino, essa cara ta de brincadeira, olha a barbaridade que ele fez, cadê as autoridades, porra?? Cadeia nele”.

OS TURISTAS

Já saíram algumas matérias de turistas que foram assaltados no Brasil, como se o problema fosse a copa, já que quando não tem copa, não existe assalto nas cidades.

A torcida da Colômbia não conseguiu chegar, ficaram na revista da polícia federal do aeroporto.

Os alemães e os russos não tão nem ai para os jogos, encher a cara é o que importa.

Ainda bem que os jogos não são narrados nos auto falantes dos estádios. Fico imaginando um jogador chutando e o narrador gritando: “Olha a boooooomba”, e os torcedores da Bósnia e do Irã se jogando no chão.

Os mexicanos vieram em grande número para o Brasil, eu só quero ver como é que eles vão fazer pra voltar ilegalmente para os EUA de novo.

E os japoneses? Veio tanto japonês para o Brasil que a produção de playstation caiu cerca de 60%, já a produção de roupas na Zara aumentou muito já que a Bolívia não esta na copa.

Tem tanto turista em Porto Alegre que a cidade e o estádio “Beira Rio”, bateram um novo recorde. O de maior público? Não, é que até hoje nunca se viu tantos heterossexuais na cidade.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s