PARA AÍ !!!

joao-kleber

Estou em casa tranquilo, em plena sexta feira a noite, naquela troca frenética de canais tentando achar algo interessantes pra assistir quando me deparo com ele, o gênio, o mito, a lenda, João Kleber, com o seu sensacional “teste de fidelidade”. Dou esses adjetivos pois, que outro apresentador consegue fazer um programa de apenas 1 quadro durar 3 horas? Ai você me diz: “O Datena e o Marcelo Resende tem um programa de 3 horas ou mais”, tudo bem, mas mostram umas 20 mortes por programa. O João Kleber tem apenas 1 quadro, o teste de fidelidade.

Eu sou da época do teste de fidelidade antigo, com o comando de Marcia Imperator e Oliver, o sedutor. Os atores mudaram mas a temática continua a mesma.

Algumas pessoas acreditam no teste, isso é normal, afinal é muito comum você ser um encanador magrelo sem 3 dentes na boca indo consertar a torneira de uma casa, onde a dona te recebe de mini saia e top. A torneira fica na cozinha, mas ela te leva pra sala, convida pra sentar no sofá e ainda resolve te fazer uma massagem, pois é muito comum se ver encanadores tensos por ai.

A casa tem 83 câmeras, inclusive umas que balançam pra cima e pra baixo, de um lado para o outro, mas o cara obviamente não percebe nada.

Conversa vai, conversa vem, até que a “atriz” faz a tradicional pergunta: “Você tem namorada?” PARA AÍ !!!, grita desesperadamente João Kleber, parando a sequencia do vídeo e perguntando na sequencia: “O que você acha que ele vai responder?”. Obviamente a namorada diz que sim, mas o encanador diz que não, causando uma gritaria generalizada na plateia. Na sequencia, João Kleber leva uns 45 minutos de programa só nesse diálogo:

– Você quer ver o resto do teste?

– Quero sim, João.

– Você tem certeza?

– Tenho sim João, vim até aqui, quero ver.

– Tem certeza? as imagens são fortíssimas.

– Tenho João.

– Produção, ve um copo d’água pra essa mulher que ela esta nitidamente nervosa. (mesmo quando a mulher parece tranquila)

Ela vai lá, toma a água, ele pede um copo pra ele também, passa a mão na cabeça, fala com a produção, ameaça não passar o final do vídeo, toma mais um gole de água e volta pra fazer as mesmas perguntas anteriores:

– Você tem certeza MESMO que quer ver o final desse teste?

Na boa, eu poderia escrever um livro de 100 paginas apenas com esse diálogo.

Após 2 horas, o teste acaba e a mulher aguarda seu “marido” (que conheceu hoje na gravação) no palco do programa. “Pode entrar o marido”, diz João Kleber. O Cara entra segurando umas flores e quando as entrega a mulher da uma tapa nelas fazendo todas caírem no chão. Rola aquele bate boca interminável, o cara pede desculpa e depois fala que a culpa foi dela, ela chama ele de vagabundo, tenta agredir o marido, os seguranças chegam pra apartar, um cachorro e um anão passam correndo do nada pelo palco e pronto, o circo esta formado.

Chegamos ao ápice do programa, João Kleber vai até a plateia pedir a opinião das pessoas quando surge ela, Suzete, a principal comentarista do teste, xinga o cara, da uma lição de moral de deixar qualquer um no chão. (de rir). Me lembro que a Suzete tinha até comunidade no Orkut, era sensacional, e hoje em dia ela esta produzida, cabelo feito, maquiagem, afinal ela é parte fundamental do elenco.

sezete

Na boa, o teste de fidelidade é coisa mais genial que existe no mundo, você sabe que demora, sabe que vai perder seu tempo, sabe que é falso (eu acho), sabe que os atores são péssimos, sabe que vai ser a mesma coisa e mesmo assim assiste. Eu gosto de assistir o teste pra encontrar os erros, pra dar risada e pelo show de horrores que ele proporciona.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s